Riscos do alumínio no processo de contaminação da água em sistemas de abastecimento (FAPERJ)

O objetivo deste estudo é avaliar o impacto e abrangência dos passivos ambientais gerados pelas estações de tratamento de água às margens do Lago de Juturnaíba, na qualidade da água da represa e avaliar os riscos futuros de ocorrência de uma dissolução catastrófica destes resíduos, inviabilizando a retirada de água para consumo humano. Inicialmente serão feitas medidas da contaminação dos sedimentos do lago e posterior aplicação do Modelo de Atenuação das Concentrações, desenvolvido pelo proponente, a fim de se verificar a atual abrangência da contaminação. Para entender melhor a química e a estabilidade dos passivos gerados, será feito um estudo da cinética química do alumínio nos sedimentos, utilizando experimentos in vitro e procedimentos de fracionamento geoquímico. Os conhecimentos adquiridos no estudo servirão de base para a definição de ações que venham a remediar ou mitigar os passivos gerados e que garantam a utilização do recurso hídrico com toda a segurança. Os conhecimentos gerados neste estudo também servirão para gerar soluções em situações similares, muito comuns em todo o  estado do Rio de Janeiro.

Ano de início: 
2010
Back to Top